EXCLUSIVO: CARTA REVELA QUE ATIRADOR DE CAMPINAS TINHA MENTALIDADE...

Carta revela que atirador de Campinas tinha mentalidade fascista
Com discurso de extrema direita, homem que matou filho, esposa e mais 10 em Campinas debocha de feministas e critica leis de proteção à mulher. Na carta em que revela seu plano trágico, assassino fala até de decisão de Lewandowski sobre Dilma Rousseff e chama ex-presidente de 'vadia'


Sidnei Ramis, 46, o Técnico de Laboratório que matou 12 pessoas na madrugada deste domingo (1º), em Campinas, incluindo o filho pequeno e a esposa, debochava dos Direitos Humanos e criticava mulheres feministas.


Na carta em que revelou seu plano trágico, o assassino referia-se à Lei Maria da Penha como ‘Lei Vadia da Penha’.

Resultado de imagem para Carta revela que atirador de Campinas tinha mentalidade fascista

Sidnei Ramis (dir) matou a esposa, o filho e outras 10 pessoas antes de cometer suicídio

Sidnei diz que não pode desfrutar da companhia de seu filho por causa de “um sistema feminista e de umas loucas”.


O homem critica o ministro do STF Ricardo Lewandowski, a quem chama de lixo por ter colocado em votação separada a manutenção dos direitos políticos de Dilma — a quem também chama de vadia — na sessão do impeachment.


O assassino diz que quer matar o máximo de mulheres da família da ex, e completa: “Chega. Ela tem que pagar pelo que fez”.


Leia a carta abaixo:


“Não tenho medo de morrer ou ficar preso, na verdade já estou preso na angustia da injustiça, além do que eu preso, vou ter 3 alimentações completas, banho de sol, salário, não precisarei acordar cedo pra ir trabalhar, vou ter representantes dos direito humanos puxando meu saco, tbm não vou perder 5 meses do meu salário em impostos.


Morto tbm já estou, pq não posso ficar contigo, ver vc crescer, desfrutar a vida contigo por causa de um sistema feminista e umas loucas. Filho tenha certeza que não será só nos dois quem vamos nos foder, vou levar o máximo de pessoas daquela família comigo, pra isso não acontecer mais com outro trabalhador honesto. Agora vão me chamar de louco, más quem é louco? Eu quem quero justiça ou ela que queria o filho só pra ela? Que ela fizesse inseminação artificial ou fosse trepar com um bandido que não gosta de filho.


No Brasil, crianças adquirem microcefalia e morrem por corrupção, homens babacas morrem e matam por futebol, policiais e bombeiros morrem dignamente pela profissão, jovens do bem (dois sexos) morrem por celulares, tênis, selfies e por ídolos, jornalistas morrem pelo amor à profissão, muitas pessoas pobres morrem no chão de hospitais para manter políticos na riqueza e poder!

Resultado de imagem para Carta revela que atirador de Campinas tinha mentalidade fascista

Sidnei Ramis matou o próprio filho